sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Cinema: Estreias da Semana (17/02 a 22/02)

Ok, hora de conferir as estreias da semana. Como acontece sempre temos um filme de ponta no circuito comercial que serve de cavalo de batalha para os demais. Nessa semana esse papel cabe ao novo filme de Brad Pitt, "Aliados". Em breve vou publicar uma resenha aqui sobre essa produção dirigida por Robert Zemeckis. O enredo mistura II Guerra Mundial, espionagem e Casablanca! Ei, não seria uma espécie de remake do clássico de Humphrey Bogart? Calma, ainda é cedo para chegar a esse tipo de conclusão. De qualquer maneira esse filme é um dos obrigatórios dessa semana, não apenas pelo tema vintage, mas também pelos nomes envolvidos.

Outro lançamento comercial da semana com potencial de gerar bastante bilheteria é "John Wick - Um Novo Dia Para Matar", filme de ação estrelado por Keanu Reeves e Laurence Fishburne. Vou logo adiantando que não gostei do primeiro filme (essa é a sequência), uma vez que esses filmes seguem uma linha bem exagerada mesmo, não é apenas um filme de ação como tantos outros. É ação impossível que beira o nonsense. Até o poster promocional vai por essa linha, com centenas de armas apontadas para a cabeça de Reeves! Pelo visto hoje em dia o que não for exagerado ao extremo corre o risco de ser ignorado pelo público jovem nos cinemas. Sinal dos tempos.

Para quem gosta de filmes mais alternativos, do gênero drama, indico "Lion - Uma Jornada Para Casa", a história de um garoto indiano que se perde dos pais. No elenco o grande chamariz é a estrela Nicole Kidman. O que será que deu nela para atuar em filmes como esse, tão fora da rota do cinemão americano? Já no documentário "Eu Não Sou Seu Negro", o ator Samuel L. Jackson narra a odisseia que o livro "Remember This House" percorreu desde que foi escrito. Tendo como tema as mortes de líderes do movimento negro americano, esse manuscrito ficou anos perdido, sendo reencontrado apenas após várias décadas. Um filme, digamos, curioso. Só será exibido em poucas salas pelo Brasil. Especialmente indicado para quem estiver em busca de um cinema de causa, ativista, principalmente em relação às minorias.

E para fechar a semana aqui vão algumas dicas de filmes para os admiradores de cinema cult em geral: "A Cura", produção alemã, que mostra um executivo em tratamento com águas milagrosas nos Alpes suícos; "Um Homem Chamado Ove" sobre um aposentado dinamarquês mau humorado que vê seus dias passando de forma lenta e entediante; "Eu, Olga Hepnarová", drama polonês e tcheco sobre a vida de uma homossexual reprimida por sua sociedade e finalmente a animação de arte "A Tartaruga Vermelha", sobre um homem naufragado e uma incomum visitante da natureza que vem para lhe ajudar. Bucólico e ecológico, uma graça de filme. Vale o ingresso.

Pablo Aluísio.

2 comentários:

  1. O verdadeiro e inconteste líder em defesa dos negros foi o Dr. Martin Luther King. Malcolm X era um pilantra cafetão e alguns outros uns vitimistas aproveitadores dos próprios negros. Há exceções, mas ínfimos. Os revisionismos atuais são irritantes pela desonestidade.

    PS1: Gostei muito que o blog voltou ao velho formato. É mais pratico para navegar.

    PS2: Comment Rock Hudson.

    ResponderExcluir
  2. Muitas vezes a simplicidade é o segredo, por isso resolvi voltar ao velho modelo.

    ResponderExcluir