quinta-feira, 11 de junho de 2015

Infini

Título Original: Infini
Título no Brasil: Ainda Sem Título Definido
Ano de Produção: 2015
País: Austrália
Estúdio: Storm Vision Entertainment, Eclectik Vision
Direção: Shane Abbess
Roteiro: Shane Abbess
Elenco: Daniel MacPherson, Grace Huang, Luke Hemsworth
  
Sinopse:
Após toda uma tripulação sumir sem deixar vestigios, uma equipe de resgate e salvamento é enviada para uma estação espacial orbital mineradora localizada nos confins do universo. Uma vez lá descobrem um ambiente de destruição e morte, corpos congelados e mutilados, sem que se saiba exatamente a causa de todo aquele cenário desolador. Aos poucos os membros da equipe vão descobrindo que um organismo desconhecido da ciência humana pode estar por trás das mortes. Um tipo de fungo ou vírus indefinido que causa uma forte reação de ira e cólera em todos os contaminados por ele.

Comentários:
A sinopse obviamente fará com que o cinéfilo mais veterano encontre semelhanças demais com a franquia "Aliens". De fato existe mesmo um ponto de identidade com a famosa série de filmes estrelados pela atriz Sigourney Weaver. Afinal seres humanos sendo contaminados e atingidos por uma estranha forma de vida tem tudo a ver com as aventuras da tenente Ripley. O diferencial é que "Infini" procura deixar um pouco de lado a ação para investir na destruição psicológica gradual que se abate sobre todos os membros de uma expedição de resgate no espaço profundo. Por essa razão não temos aqui um roteiro muito fácil de digerir. Apostando mais no lado subjetivo dos personagens o texto pode vir a confundir muita gente, principalmente na conclusão da história, que falando sinceramente não me agradou muito. Na verdade o filme deveria ter acabado com mais ou menos 90 minutos de duração quando se chega a um momento crucial na trama. Se o roteirista e diretor Shane Abbess tivesse encerrado ali o filme poderíamos considerar essa uma pequenina obra prima da ficção. Infelizmente ele foi em frente e acabou com isso criando um final em aberto, dado a inúmeras interpretações (e não espere que o roteiro vá lhe explicar muita coisa!). A produção não é de primeira linha, afinal de contas se trata de um filme B. Isso porém não faz grande diferença já que o roteiro está mais preocupado em mostrar a insanidade que vai abatendo sobre cada membro do grupo de resgate. Visualmente "Infini" lembra algumas ficções dos anos 1990, o que não chega a ser uma desvantagem. No geral se trata de um filme interessante, nada memorável, mas que levanta algumas questões intrigantes que nos fazem pensar um pouco sobre ele após seu fim. Pelo bem, pelo mal, vale a pena ao menos conhecer para se tirar suas próprias conclusões.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.


Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.3

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir