sábado, 18 de outubro de 2014

Os Fantasmas Contra Atacam

Título no Brasil: Os Fantasmas Contra Atacam
Título Original: Scrooged
Ano de Produção: 1988
País: Estados Unidos
Estúdio: Paramount Pictures
Direção: Richard Donner
Roteiro: Mitch Glazer, Michael O'Donoghue
Elenco: Bill Murray, Karen Allen, John Forsythe

Sinopse:
Frank Cross (Bill Murray) é um sujeito desprezível. Rico, executivo de TV, ele pouco está ligando para o sentimento das outras pessoas. Extremamente cínico, acredita que o espírito de natal é realmente uma grande bobagem, feita única e exclusivamente para turbinar as vendas no final de ano. Sua vida porém dá uma guinada completa quando ele recebe a visita de três espíritos natalinos, que vão mostrar a ele o verdadeiro sentimento que se deve preservar nessa época do ano.

Comentários:
Mais uma adaptação do famoso e consagrado "A Christmas Carol" de Charles Dickens. Em algum momento de sua vida você muito provavelmente já assistiu a algum filme que se utilizou desse livro como base. Basta lembrar do mais recente "Os Fantasmas de Scrooge" com Jim Carrey ou até mesmo do clássico "A Felicidade Não Se Compra" de 1946, com James Stewart. Confesso que há muitos anos não revejo o filme. Na verdade em minha memória seletiva de cinéfilo essa produção me marcou por um motivo bem particular. A vi pela primeira vez ainda nos tempos do VHS (em plena década de 80). Na ocasião acabei pegando uma forte gripe que me deixou literalmente nocauteado. Depois, na alta madrugada, acordei e resolvi assistir ao filme, pois não havia mais nada para fazer, para matar o tempo. Era véspera de natal e o enredo de "Scrooged" se encaixou perfeitamente para a ocasião. Aqui há dois destaques que chamam a atenção. O primeiro é a maquiagem, muito bem realizada e que foi inclusive indicada ao Oscar. Os efeitos especiais também são excelentes, principalmente para uma época em que ainda não havia o pleno desenvolvimento da computação gráfica. Segundo, o filme foi dirigido pelo cineasta Richard Donner que nunca se notabilizou por ter focado sua carreira em comédias, mas sim em filmes de ação e ficção. E por falar em humor, Bill Murray colhendo os frutos do sucesso de "Os Caça-Fantasmas", se sai muito bem em seu personagem, com doses certas de humor e dramaticidade, provando que era um ator capaz de segurar um filme sozinho. Enfim, eis uma boa pedida para a próxima noite do natal.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário