sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Soldado Anônimo 2 - Campo em Chamas

Título no Brasil: Soldado Anônimo 2 - Campo em Chamas
Título Original: Jarhead 2 - Field of Fire
Ano de Produção: 2014
País: Estados Unidos
Estúdio: Universal Pictures
Direção: Don Michael Paul
Roteiro: Berkeley Anderson, Ellis Black
Elenco: Josh Kelly, Danielle Savre, Cole Hauser

Sinopse:
O cabo Merrimette (Josh Kelly) acaba recebendo a liderança de seu esquadrão após a morte violenta de seu sargento. Agora ele terá que liderar seus homens em um perigoso campo aberto dominado pelos Talibãs no Afeganistão. No caminho acabam encontrando um membro das forças especiais SEALs, o tenente Fox (Hauser), que tem a missão de levar uma jovem afegã sã e salva até os Estados Unidos, um objetivo que não será nada fácil de alcançar naquela terra devastada pela guerra.

Comentários:
O primeiro filme "Jarhead" de 2005 era uma excelente crônica sobre o cotidiano de um soldado americano nas vésperas da invasão do Iraque. Com Jake Gyllenhaal como protagonista e um ótimo roteiro, extremamente bem escrito, a fita já é considerada uma pequena obra prima nos dias atuais. Essa sequência deixa muito a desejar. Esqueça as qualidades do filme original, "Jarhead 2 - Field of Fire" não apresenta qualquer pretensão de ser algo mais do que uma fita de ação ligeira, dessas que são lançadas todos os meses no mercado americano, em sistema de venda direta ao consumidor. O roteiro é primário, mostrando um pequeno esquadrão em uma missão de rotina que acaba virando um jogo de vida e morte para os militares americanos e para uma mulher afegã que é caçada pelos Talibãs por ter cometido o crime de procurar se educar! Pois é, fundamentalismo pouco é bobagem! Infelizmente esse pano de fundo, que até poderia ser interessante, se perde numa sucessão de cenas clichês envolvendo tiroteios entre americanos e fundamentalistas. No final das contas não marca, mas se você não estiver em busca de nenhuma obra prima mas apenas um filme de ação para o final da tarde quem sabe pode até funcionar. Passa longe de ser tão bom quanto o primeiro filme, porém com as expectativas em baixa pode até ser uma diversão ligeira, sem qualquer compromisso.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Publicado originalmente no blog Cine Action
    Pablo Aluísio
    Todos os direitos reservados.

    ResponderExcluir