quinta-feira, 20 de abril de 2017

Blade Runner 2049

Ontem foi divulgado o trailer de "Blade Runner 2049", a tão aguardada sequência do clássico Sci-fi dos anos 80. Sinceramente fico com um pé atrás. Continuações tardias como essa não possuem um bom histórico. Há muitos filmes ruins nesse tipo de categoria. Geralmente aproveitam apenas o nome comercial de um filme famoso para faturar nas bilheterias.

Assistindo ao trailer porém pude perceber que, apesar das expectativas baixas, há algum fio de esperança. A presença de Ryan Gosling pode ser um indício de que o roteiro é realmente bom, afinal esse ator não costuma se envolver com abacaxis. Ele é bem independente em relação a Hollywood  e acredito que se ele aceitou fazer o filme então boa coisa vem por aí.

Já a presença de Harrison Ford no elenco infelizmente não quer dizer muita coisa. Embora ele tenha estrelado o filme original, aquela era uma época diferente em sua carreira. Dos anos 90 para cá a presença de Ford não traz mais nenhuma garantia que o filme seja bom ou promissor. Ele atuou em muitos filmes caça-níqueis, alguns deles até constrangedores. Por isso não me anima nada vê-lo no trailer. Agora pior mesmo é saber que Ridley Scott não estará na direção. Ele apenas será o produtor executivo desse novo filme. Isso pode ser um sinal ruim.

O estúdio resolveu entregar a direção para o canadense Denis Villeneuve. E quem é ele? Bom, em termos de ficção ele dirigiu um filme recente que foi extremamente elogiado pela crítica, "A Chegada". Também dirigiu o bom " Sicario: Terra de Ninguém". Assim como Ryan ele não costuma participar de projetos meramente oportunistas. Assim, no final dessa balança de expectativas, temos coisa boas e ruins nos dois lados. Se o filme vai ser mesmo um marco ou apenas um blockbuster que pediu emprestado o nome de um clássico, só o tempo dirá. O filme tem data de estreia marcada para outubro.

Pablo Aluísio.

3 comentários:

  1. Pablo, apesar de concordar com você que essas continuações são de arrepiar, acho que posso te tranquilizar em dois quesitos que te preocupam.
    1- Harrison Ford: só esta no filme pra amansar os puristas saudosistas do velho Blade Runner .
    2- Ridley Scott: o fato dele ser o produtor executivo, ao contrario de ser ruim, pode muito bom, pois quem manda realmente num filme, até mais que o diretor, é justamente o produtor executivo, que funciona como um editor se compararmos um filme com a feitura de um livro e o produtor executivo só perde em poder de comando para o PRODUTOR por este ser o dono da grana, ou seja, quem paga a bagaça, portanto...
    Como você disse, com um ator como o Ryan Gosling esse pode até vir a ser um ótimo filme e, também, por conta dos efeitos especiais que se pode utilizar hoje e não existiam na década de "80. Enjoy!

    ResponderExcluir
  2. Estou com as expectativas não muito altas. É sempre bom ficar com um pé atrás, mas espero que você esteja certo em suas previsões e o filme seja realmente bom, uma bela surpresa. Afinal "Blade Runner" o filme original é um dos maiores cult movies dos anos 80.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir