segunda-feira, 23 de julho de 2018

Próxima Parada Apocalipse

Mais uma produção Netflix. Mais um filme que deixa a desejar. No enredo encontramos dois homens - pai e genro - atravessando uma região inóspita para tentar salvar a filha que ficou numa cidade atingida por uma grande catástrofe. Que catástrofe foi essa? Natural? Uma explosão atômica? Não espere respostas a essa pergunta. O roteiro simplesmente não explica, o que é bem frustrante, principalmente no final que fica em aberto, sem concluir o que estava contando. Assim o filme se sustenta mesmo no clima de suspense que tenta criar. No começo temos uma história banal, quase um enredo de drama romântico. Um jovem advogado está para se casar com sua namorada. Mais do que isso. Ela está grávida. O problema é o pai dela, um militar aposentado, aqui na interpretação do ator Forest Whitaker.

Ele não gosta do futuro genro. Ele também não quer que ele se case com sua filha. Há um clima de tensão entre eles. Um jantar é marcado para acertar as diferenças, mas no meio disso aconteceu algo inexplicável. O norte dos Estados Unidos é atingido por um grande cataclisma. A filha está lá, em Seattle, cidade que foi atingida em cheio. Sem pensar muito nas opções pai e genro entram em um carro e pegam estrada rumo ao desconhecido. O filme é isso, um road movie passado em um mundo em caos. É como se estivéssemos em um cenário de "Mad Max", porém com toques mais realistas. Sim, há a luta pelo combustível, a brutalidade e a violência, coisas típicas de um filme pós-apocalipse, mas tudo em doses homeopáticas, sem tirar o pé do chão da realidade. O problema maior é, como já escrevi, a falta de explicações. O roteiro não explica o que está acontecendo e o pior de tudo, deixa um final insatisfatório, naquela situação em que o filme acaba de repente, causando uma certa perplexidade em quem acompanhou aquela história por tanto tempo (o filme tem uma duração considerável para esse tipo de produção). Assim temos aqui outra produção Netflix que ficou pelo meio do caminho, literalmente.

Próxima Parada Apocalipse (How It Ends, Estados Unidos, 2018) Direção: David M. Rosenthal / Roteiro: Brooks McLaren / Elenco: Theo James, Forest Whitaker, Grace Dove, Kat Graham / Sinopse:  Um pai desesperado e o namorado de sua filha partem rumo norte em direção a Seattle, onde a filha está. A cidade e toda aquela região foi atingida por um cataclisma inexplicável, onde não existe mais lei, ordem e nem civilização.

Pablo Aluísio.

3 comentários:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★
    Cotação Geral: ★★
    Nota Geral: 6.4

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir
  2. Preciso falar que esse negocio de apocalipse já deu flor? Neguinho não se toca?

    Comment: Where is Kira

    ResponderExcluir
  3. Virou um subgênero da ficção e saturou com os anos...

    ResponderExcluir