sábado, 27 de agosto de 2016

Elvis Presley - A New Kind Of Rhythm

Elvis Presley - A New Kind Of Rhythm
Esse CD foi lançado pelo selo Madison em 2007. Obviamente se trata de mais um Bootleg. Intitulado "A New Kind Of Rhythm!", trouxe o show que Elvis realizou no dia 21 de março de 1976 em Cincinnati, Ohio. O título traz algumas novidades, entre elas o fato das gravações originais terem sido gravadas no sistema "Living Binaural", o que garantiu maior fidelidade e qualidade. Outra novidade se referia ao próprio grupo que acompanhou Elvis no palco. Aqui temos a participação de Larrie Londin, considerado por muitos melhor baterista até do que o titular e costumeiro Ronnie Tutt. Outra novidade foi a presença de Shane Keister nos teclados. Com banda renovada Elvis partiu para essa verdadeira maratona de shows pelos Estados Unidos, cruzando o país de costa a costa, em apresentações quase ininterruptas. Em 1976 ele certamente cumpriu uma das agendas de concertos mais puxados de toda a sua carreira. Endividado, Elvis teve que trabalhar como nunca.

Como sempre, o cantor alternou momentos de descontração com outros de seriedade nas interpretações, sendo destaque sua performance em canções como "You Gave Me A Mountain", "America The Beautiful", "And I Love You So" e a sempre memorável "Hurt". Já em relação aos seus antigos clássicos roqueiros os destruiu sem dó e nem piedade, trazendo uma incrível sucessão de interpretações péssimas, sem qualquer capricho ou respeito. Geralmente cantando a meia voz, sem ligar para a letra (se estava certa ou errada), Elvis parecia usar seu antigo repertório como uma espécie de piada de mau gosto. Pouco se importando em cantar hits como "Teddy Bear / Don't Be Cruel" da maneira certa. Outro aspecto vem das apresentações infindáveis de seus músicos. Elvis usava isso para descansar, geralmente fora do palco, enquanto seus músicos tentavam dar conta do recado praticamente sozinhos. Como complemento o CD trazia um encarte especial com 16 páginas, com muitas fotos do concerto realizado pelo cantor naquela ocasião.

Elvis Presley - A New Kind Of Rhythm (2007)
01 - Introduction: Also Sprach Zarathustra 0:36 ; 02 - C.C. Rider 4:06 ; 03 - I Got A Woman / Amen 4:37 ; 04 - Love Me (w/false start) 1:57 ; 05 - Let Me Be There 2:48 ; 06 - Love Me Tender 1:44 ; 07 - Steamroller Blues 3:03 ; 08 - All Shook Up 1:00 ; 09 - Teddy Bear / Don't Be Cruel 2:05 ; 10 - You Gave Me A Mountain 3:23 ; 11 - Polk Salad Annie 3:41 ; 12 - Introductions by Elvis of vocalists, band (incomplete) 0:39 ; 13 - What I'd Say? (James Burton) 0:47 ; 14 - Drum solo (Larrie Londin) 0:43 ; 15 - Bass solo (Jerry Scheff) 1:00 ; 16 - Piano solo (Shane Keister) 0:59 ; 17 - Electric piano solo (David "Bobby" Briggs) 0:45 ; 18 - Introduction by Elvis of orchestra 0:18 ; 19 - School Day (Joe Guercio Orchestra) 0:59 ; 20 - And I Love You So (w/false start) 4:00 ; 21 - Hurt 2:17 ; 22 - Hurt (full reprise) 2:11 ; 23 - Emergency Announcement (Elvis) 0:29 ; 24 - Burning Love 3:05 ; 25 - America The Beautiful 2:12 ; 26 - Hound Dog 1:58 ; 27 - Funny How Time Slips Away 3:07 ; 28 - Can't Help Falling In Love 1:49 ; 29 - Closing vamp 1:14 ; 30 - "Elvis Has Left The Building" and Final Announcements (Al Dvorin) 3:10

Pablo Aluísio.

3 comentários:

  1. Avaliação:
    Produção: ★★★
    Arranjos: ★★★
    Letras: ★★★
    Direção de Arte: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.2

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir
  2. Pablo, esse negócio da participação dos músicos demorada é muito chato nos shows do Elvis desta época. Chato não, insuportável. Músico já é músico por isso, é sem graça. Se trata de gente que, em grande parte das vezes,é muito talentosa, mas totalmente desprovidos de carisma, por isso estão sempre fadados a acompanhar estrelas, pois sozinhos se apagam e penalizam severamente a audiência. Ah Elvis, que sabia se sabotar como ninguém.

    ResponderExcluir
  3. Era uma desculpa para Elvis ficar nos bastidores... O público era de certa maneira enganado. Enquanto Elvis ficava sentado (geralmente em uma cadeira atrás do palco, se recuperando) a banda tocava por vários minutos... Concordo com você, não tem nada a ver.

    ResponderExcluir