sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Tony Sheridan - My Bonnie

Quando Tony Sheridan chamou os Beatles para tocarem na gravação de sua música "My Bonnie" ele não tinha a menor ideia do que o futuro reservaria para aqueles quatro jovens. Nessa época os Beatles não passavam de um grupinho de quase adolescentes que tocavam em inferninhos de Hamburgo.

Eles corriam atrás do sonho de um dia, quem sabe, viver apenas de música e fazer algum sucesso. John Lennon achou o convite muito promissor. Eles iriam apenas tocar como grupo de fundo para Sheridan que mais parecia uma imitação barata de Elvis Presley. A grana não era significativa, porém só o simples fato de gravarem profissionalmente já era um avanço e tanto.

Ouvir "My Bonnie" hoje em dia é muito prazeroso. Os Beatles já soavam como os Beatles dos primeiros discos como "Please, Please Me" e "With The Beatles". Aquele ritmo e aquele som já era cem por cento Beatles que o mundo iria amar dentro de pouco tempo. Sheridan, como eu já frisei, procurava cantar como o maior ídolo do rock daquele tempo, o imortal Elvis Presley. O timbre, as notas vocais alcançadas e o jeito de interpretar não deixavam dúvidas sobre isso. Para os Beatles isso não era necessariamente um problema já que eles também eram fãs de Elvis. Claro que eles queriam seguir sua própria carreira, gravando e cantando suas composições próprias - que já eram muitas nesse período, todas já assinadas como sendo de autoria da dupla Lennon e McCartney. Aquilo porém era o que eles tinham à mão e tocaram muito bem, profissionalmente.

Seria por causa dessa gravação que um bem sucedido empresário de Liverpool chamado Brian Epstein ouviria pela primeira vez o nome Beatles. Ele tinha uma loja de discos na cidade e se orgulhava de dizer que seu catálogo era o maior da Inglaterra. Não havia disco ou single que não fosse encontrada na loja de Brian. Isso foi verdade até um dia que um garoto chegou a ele e perguntou se ele tinha o disco dos Beatles! Brian ficou atônito! Quem eram os Beatles? O resto é história. Brian foi atrás do grupo para conhecer a banda e se apaixonou pelo seu som. Se aproximou dos rapazes e em pouco tempo assinou como seu empresário musical. E o mundo nunca mais seria o mesmo depois disso.

Pablo Aluísio.

Um comentário:

  1. Publicado originalmente no blog Music!
    Pablo Aluísio
    Todos os direitos reservados.

    ResponderExcluir